CFP: “Em benefício do povo”. Obras, governo e sociedade na cidade colonial

Tagung: Em benefício do povo”. Obras, governo e sociedade na cidade colonial

An der Universidade Federal Fluminense in Rio de Janeiro im Departamento de HistóriaCompanhia das Índias, findet vom 7. bis 9. August 2013 eine Internationale Tagung zur kolonialen Stadt in der Frühen Neuzeit statt, deren Call for Paper noch (Update:) bis zum 31. Januar 2013 läuft (Info weiter unten). Im englischsprachigen Ankündigungstext heißt es zum Fokus der Tagung:

The object of the Conference […] is to exploit the historical analysis of urban works in terms of conceptualisation, planning, implementation and employment, for studying the situation of the colonial population and its development as a fragmented community. With the term «construction works» we mainly mean the providing of water, treatment of sewage and rubbish, paving of streets, construction of bridges, and the building of public edifices and defence works. The geographic area to be treated is broad, and we hope to gather experts working on Portuguese and Spanish America as well as on colonial cities in other continents.

Konkret feststehende Beiträge der Tagung werden sein:

  • Autonomia e dependência
    Quais eram os interesses e as estratégias dos diversos intervenientes políticos na realização das obras? Como se aproveitaram delas as câmaras municipais e a metrópole? Qual era o papel dos almotacés, arrematantes e engenheiros militares na organização da cidade colonial?
  • A teoria política
    Quais eram as funções das obras nos tratados normativos, partindo de conceitos como bem comum, provisão, justiça e civilização e sua leitura na cidade colonial?
  • As práticas do cotidiano
    Como funcionou ou não funcionou a provisão das necessidades públicas, como os habitantes se organizaram para conseguir água, para se desfazer do lixo etc.? Quais eram as estratégias alternativas às previstas/desejadas pelas autoridades?
  • Integração e exclusão
    Quem tinha acesso à infrastrutura, como se elaborou um conceito de corpo conjunto ou de cidadania a partir dela? Quem ficou fora, como se estabeleceu a separação, como foi «concretizada» a desigualdade social, como ela fragmentou a cidade e a população?
  • Ameaças, tensões, vulnerabilidades
    O que aconteceu com as obras em momentos de crise, como epidemia, seca, cerco ou revolta? Como elas podiam ser instrumentalizadas para provocar ou reforçar desordem e revolta?
  • Governo e disciplina
    Como as obras ajudaram a governar, disciplinar e influenciar a população urbana colonial?

Bis zum 10. Januar 2013 können noch weitere Vorschläge für Beiträge eingereicht werden. Alle weiteren Informationen und Kontaktdaten finden Sie in portugiesischer und englischer Sprache im CFP im Format PDF. (Update: Datei aktualisiert am 15.1.2013)

[via Toletum Blog]

Schreibe einen Kommentar

Deine E-Mail-Adresse wird nicht veröffentlicht. Erforderliche Felder sind mit * markiert.